Epiphany
Data 1963 - 1989
Técnica Celulose sobre alumínio
Dimensões 115 x 115 x 8 cm
ID Inventário UID 102-248
248.jpg
Richard Hamilton frequenta as aulas da Royal Academy e, de 1948 a 1951, as da Slade School of Fine Arts, de Londres. Após ter praticado a pintura abstrata, experimenta a colagem e a apropriação de diferentes materiais da cultura de consumo. Richard Hamilton é, no fim da década de 1950, um dos inventores da Arte Pop inglesa, mais precoce e mais «ácida» do que a versão americana. Em 1952, ele é, de facto, um dos iniciadores de The Independent Group, um grupo de artistas que terá sido o primeiro a utilizar, mais tarde, em 1958, o termo «pop». A Pop aspirava a uma síntese com a cultura de massas, até então considerada anti-artística. Hamilton apropria-se de um vasto conjunto de referências centradas no sexo, na tecnologia, no entretenimento e nos mass media. O grande disco de Epiphany diz «Slip It To Me» (passa-mo), uma forma de aceitação do mundo do consumo. Trata-se de uma recriação, em grande escala, de um crachá comprado por Hamilton durante a sua primeira visita aos Estados Unidos, em 1963. Hamilton descreve, então, o que admirava na arte norte-americana: «a sua audácia e vivacidade». Desenhador, pintor e designer, Hamilton atinge a notoriedade quando desenha a capa e o poster do disco dos Beatles, Double White, de 1968.
J-FC