Educação

As mudanças ocorridas na sociedade são dadas a conhecer pelos museus através das suas coleções – no caso do Museu Coleção Berardo através de uma coleção de arte que contempla todo o século XX até à atualidade.
Envolver o público é o eixo estruturante da programação do serviço educativo que privilegia e fomenta a inclusão social, abrindo uma porta de acesso à cultura e à arte, áreas indispensáveis na contemporaneidade.
Ao serviço educativo do Museu Coleção Berardo compete dar visibilidade ao pensamento que se encerra na obra de arte, descobrindo-o e aprofundando-o em diferentes níveis de conhecimento, contribuindo deste modo para o enriquecimento de capacidades cognitivas, transversais a todas as idades, através de atividades que estimulem a curiosidade, o pensamento e a reflexão, incutindo assim o sentido crítico.
A programação é pensada para um público a partir dos 2 anos de idade, promovendo desde cedo o contacto com a arte, passando pelos públicos escolares, famílias e adultos, apostando assim no estímulo e incentivo às aprendizagens ao longo da vida, fundamentais na sociedade atual.


Atividades

Envolver as crianças e os adultos, as famílias, as escolas e outros grupos, nas atividades educativas é uma prioridade do Museu Coleção Berardo. Conhecer melhor as obras e os seus criadores, desvendando pensamentos, refletindo e partilhando aprendizagens são as propostas do programa de atividades do Serviço Educativo, organizado de modo a responder aos interesses dos diversos públicos.

Hamish Fulton, The Pilgrims Way, 1991

Visitas orientadas

As escolhas dos críticos: Hamish Fulton por Luca Vargiu
29/09/2018
Pieter Hugo. Os Domadores de Hienas e Outros / The Hyena & Other Men  Abdullahi Mohammed com Mainasara Ogere-Remo, Nigéria, 2007 Prova cromogénea  Abdullahi Mohammed with Mainasara Ogere-Remo, Nigeria, 2007 C-print

Visitas orientadas

Do lirismo ao manifesto: o género do retrato na obra de Pieter Hugo
29/09/2018
Pieter Hugo  Erro Permanente / Permanent Error  David Akore. Mercado de Agbogbloshie, Acra, Gana, 2010 Prova cromogénea  David Akore. Agbogbloshie Market, Accra, Ghana, 2010 C-print

Visitas orientadas

Classicismo e hibridismos: a paisagem e a natureza-morta na obra de Pieter Hugo
15/09/2018
Luís Urbano

Conferências

Corta e cose. Justaposições entre arquitetura e cinema
12/09/2018
Nem que chovam obras de arte

Férias

O mundo da arte povera
03/09/2018
- 07/09/2018
Sempre em jogo na era digital

Férias

Sempre em jogo na era digital
03/09/2018
- 07/09/2018
Eu sou a obra

Férias

Eu sou a obra
27/08/2018
- 31/08/2018
Gabinete de Curiosidades

Férias

Gabinete de curiosidades
27/08/2018
- 31/08/2018
A-ah! Criei um monstro

Férias

A-ah! Criei um monstro
20/08/2018
- 24/08/2018
Arquivo da cor

Férias

Arquivo da cor
20/08/2018
- 24/08/2018
Nem que chovam obras de arte

Férias

Nem que chovam obras de arte
16/08/2018
- 17/08/2018
Visita Guiada - Percurso pela exposição "Linha, Forma e Cor - Obras da Coleção Berardo"

Adultos

Visita guiada: Percurso pela exposição “Linha, Forma e Cor - Obras da Coleção Berardo”
23/06/2018