José A. Bragança de Miranda | Do Especulativo em cinema

José A. Bragança de Miranda | Do Especulativo em cinema
27/04/2022
Horário: 
17:00
Preço: 
XII Ciclo de Conferências ECATI/MCB - Arte e Singularidade
0,00 €
José A. Bragança de Miranda | Do Especulativo em cinema
Preço: 
XII Ciclo de Conferências ECATI/MCB - Arte e Singularidade
0,00 €
Corpo de texto: 


Esperou-se demasiado do cinema? Saint-Pol-Roux esperava a "imortalidade”; de que seria capaz de “multiplicar a natureza com as suas naturezas”, de encetar a “pós-história”, e que sendo “vivo”, não teria "ecrã, pois os seus reinos serão o império universal”. Tese exorbitante, parecerá, mas que permite entrever que, desde sempre, esteve em ato uma potência especulativa no cinema. Tal como esteve presente uma cinemática na metafísica, como se verifica pela caverna de Platão ou nas teses de Bergson sobre o cinematógrafo. Com a emergência do cinema, esse desdobramento do mundo sai do seu inconsciente e é trabalhado directamente, talhado sobre o vivo, especulando-o. Não se trata de mobilizar idealmente o
mundo, mas de o transformar em direções novas e mesmo fabulosas. O que passa por afectar as formas como se repete e onde o possível se enleia. Serão analisados, neste contexto, Reflecting Pool de Bill Viola e Film de Samuel Beckett.

José A. Bragança de Miranda é doutorado em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova de Lisboa, com agregação em «Teoria da Cultura» pela mesma Universidade. Lecciona no Departamento de Ciências da Comunicação da Universidade Nova de Lisboa, e é professor Catedrático convidado na Universidade Lusófona. Tem lecionado nas áreas da Teoria da Cultura e das artes contemporâneas, da Teoria dos Media e da Cultura Visual. Autor de numerosos ensaios nas mais diversas áreas da cultura contemporânea, das suas publicações destacam-se os Livros Analítica da Actualidade, Política e Modernidade, Traços. Ensaios sobre a Cultura Contemporânea, Teoria da Cultura, Síntese, Albuquerque Mendes ou o Ardor
da Arte, Queda Sem Fim, Envios. Uma experimentação filosófica nos Blogues e Corpo e Imagem
.

 

Conferência apresentada no âmbito do XII Ciclo de Conferências Internacionais, intitulado "Arte e Singularidade", organizado pela Escola de Comunicação, Artes e Tecnologias de Informação da Universidade Lusófona, em conjunto com o Museu Coleção Berardo.

Quarta-feira, 27 de abril às 17h00.
Auditório do Museu. Entrada gratuita, sujeita ao limite de lugares disponíveis