Reabertura do Museu - Dia Internacional dos Museus, 18 de maio | Entrada gratuita

Reabertura do Museu - Dia Internacional dos Museus, 18 de maio | Entrada gratuita
18/05/2020
Corpo de texto: 

 

De acordo com o Plano de Desconfinamento, é com enorme alegria e emoção que lhe anunciamos a reabertura do Museu Coleção Berardo no dia 18 de maio, para que, em conjunto, possamos celebrar o Dia Internacional dos Museus. No dia 18, a entrada no Museu será gratuita.

Assim, poderá ver ou rever a nossa coleção e visitar as exposições temporárias que, devido ao surto de COVID-19, não abriram ao público ou tiveram de ser prolongadas: Obras Inéditas, de Julian Opie; Mutações. The Last Poet, de Joana Escoval; e Deeper Shades. Lisboa e Outras Cidades, de Andreas H. Bitesnich.

Porque a segurança dos nossos visitantes nos é de extrema importância, seguiremos todas as diretrizes da Direção-Geral de Saúde e respeitaremos todas as normas de saúde pública e de higiene. O uso de máscara dentro do Museu será obrigatório, a distância social será uma regra, e o número de visitantes por exposição será condicionado. Consulte as Novas Regras de Visita aqui

Agradecemos desde já a sua compreensão e colaboração, e esperamos vê-lo de novo no Museu. Até breve!

Rita Lougares
Diretora Artística


Dia Internacional dos Museus, 18 de Maio - Programação Especial

O Museu Coleção Berardo convida adultos, famílias e público com necessidades especiais a participar nas atividades desenvolvidas para celebrar o Dia Internacional dos Museus.

A partir do tema «Museus para a Igualdade: Diversidade e Inclusão», lançado pelo ICOM para a comemoração da efeméride em 2020, o Serviço Educativo do museu apresenta uma programação especial, de caráter pedagógico e lúdico, dirigida a todos os públicos.

 

MUSEU
Segunda-feira, 18 de maio - ENTRADA LIVRE

 

Visitas orientadas à exposição Obras Inéditas, de Julian Opie

15h00; 16h30 e 18h00  | Sem marcação prévia | Adultos


 

Atividade contínua “PEOPLE/PESSOAS”
Das 15h00 às 18h00 | Sem marcação prévia | Adultos

 

ONLINE a 18 de maio, no Facebook e Instagram

 

Atividade “Conversas à janela” – com audiodescrição e tradução para língua gestual

 

 

“A Minha Obra e Eu”, projeto que resulta do convite a artistas portugueses representados na Coleção Berardo, para falarem sobre as suas obras. No dia 18 de maio, Fernanda Fragateiro apresenta-nos a sua escultura Caixa (Desmontagem) 2, de 2006.

 


Coleção Livros de Bolso do Museu

 

A Coleção Livros de Bolso do Museu Coleção Berardo disponibiliza leituras didáticas e acessíveis em formato digital, adaptadas para smartphone e tablet, em torno das apresentações expositivas do Museu.

Para se superar a atual limitação de lotação do respetivo espaço expositivo, inaugura-se este ciclo com a transcrição de uma visita orientada da artista Joana Escoval e do curador Pedro Lapa à exposição Mutações. The Last Poet.

 


Lançamento da máscara comunitária do Museu Coleção Berardo

 

Numa iniciativa conjunta entre o Ministério da Cultura, o jornal Público e várias instituições culturais do país, no dia 18 de maio serão distribuídas gratuitamente, na compra do jornal, 25.000 máscaras comunitárias, laváveis e certificadas pelo CITEVE. Entre estas estarão 5.000 produzidas pelo Museu Coleção Berardo com o tema «Piet Mondrian». Estas máscaras também estarão à venda, posteriormente, na loja do Museu.

 


Exposições temporárias – prolongamento da abertura

 

Joana Escoval
Mutações. The Last Poet
Até 16 de agosto.

 

 

Andreas H. Bitesnich
Deeper Shades. Lisboa e Outras Cidades
Até 5 de setembro.

 

 

Constelações II: uma coreografia de gestos mínimos
Até 27 de setembro.

 

 

Julian Opie. Obras Inéditas
Até 18 de outubro.


Exposição permanente

 

 

Coleção Berardo de 1960 à atualidade


 

Merchandising:
Portugal Museum Store /
Museu Berardo